Primeira semana de Ecomuseu Itinerante no CRV da Itaipu atrai 540 turistas
23/10/2021 07:16 em Cotidiano

A primeira semana do Ecomuseu Itinerante foi um sucesso de visitação. Desde a última sexta-feira (15), 540 turistas já passaram pelo Centro de Recepção de Visitantes (CRV), onde o Ecomuseu de Itaipu expõe parte de seu acervo até meados de 2022, enquanto o edifício original passa por obras de reforma, ampliação e modernização. A visitação da mostra é gratuita.

“O novo local está bastante frequentado por estar próximo da movimentação dos turistas, que aguardam o horário para visitar os outros atrativos da Itaipu. É a oportunidade de as pessoas conhecerem parte do acervo do Ecomuseu, que tem bastante conteúdo sobre a empresa”, explica Leila Alberton, gerente da Divisão de Educação Ambiental da Itaipu, área responsável pelo Ecomuseu.

De acordo com ela, a seleção do acervo exposto no CRV tem o objetivo de mostrar um pouco de cada espaço do Ecomuseu, incluindo uma introdução sobre a história da região e os motivos pelas quais ela foi escolhida para abrigar a maior usina hidrelétrica em produção acumulada de energia do mundo.

“Levamos dados atualizados sobre as ações ambientais, o plantio das 24 milhões de mudas de árvore no entorno do reservatório, os dados de produção de energia, entre outros”, afirma Leila. Segundo ela, um dos destaques da amostra é um vídeo mostrando como vai ficar o Ecomuseu após as obras de reforma. O objetivo é manter uma pequena exposição fixa no CRV quando o acervo voltar ao prédio original.

Novo Ecomuseu

O prédio atual do Ecomuseu passará por reformas estruturais, com adequações para acessibilidade universal, modernização de banheiros e guarda-volumes. Os projetos prometem também nova fachada, nova entrada de visitantes, construção de prédio anexo para exposições e ações educativas, loja de suvenires, bistrô com produtos regionais e um auditório para 150 pessoas.

A expografia do museu também será atualizada quase que totalmente. Além disso, grande parte do acervo dos programas de energias renováveis de Itaipu será transferida para o local, inclusive os protótipos desenvolvidos pela Itaipu, como o primeiro avião elétrico da América Latina.

O Polo Astronômico Casimiro Montenegro Filho também deixará o Parque Tecnológico Itaipu (PTI), onde está instalado atualmente, para se tornar parte desse espaço de conhecimento e educação. No Ecomuseu do Futuro, o atrativo vai ganhar sala de projeção e um telescópio novo e mais potente.

 

Texto: Divisão de Imprensa - Itaipu Binacional / Foto: Sara Cheida - Itaipu Binacional

COMENTÁRIOS