Instagram anuncia que IGTV agora vai suportar vídeos na horizontal
24/05/2019 08:31 em Tecnologia

O Instagram está renunciando a uma das suas principais marcas. Depois de abdicar à exclusividade de vídeos curtos, o aplicativo IGTV, que permite conteúdo em longa duração (até dez minutos), passa a suportar vídeos gravados na horizontal. A empresa anunciou nesta quinta-feira, 23, que a plataforma lançada em 2018 terá o novo recurso, que modifica a natureza do Instagram, aproximando-o de outros canais de material audiovisual, como o YouTube.A padronização do IGTV com o formato de outras plataformas é, justamente, o que pretende o Instagram, com o objetivo de aumentar o número de usuários no aplicativo, que não teve o sucesso esperado pela companhia e ainda corre atrás da audiência atingida por outras ferramentas. Espera-se também incentivar o interesse financeiro pelo canal, que já ocorre no YouTube.

De acordo com a empresa, a mudança vem porque os criadores de conteúdo e alguns espectadores estão pedindo pelo recurso e já encontram vídeos no formato paisagem no IGTV, mas não têm suporte para assisti-los em tela cheia.

"Percebemos que isso é uma evolução de onde o IGTV começou - acreditamos que é a mudança certa para espectadores e criadores", disse o comunicado. “De muitas maneiras, abrir o IGTV para mais do que apenas vídeos verticais é semelhante à quando abrimos o Instagram para mais do que apenas fotos quadradas em 2015”. A nota acrescenta que a empresa espera que mudança também permita que a criatividade e o engajamento aumentem.Grande parte dos motivos que vêm impedindo que o IGTV caia nos gostos dos criadores de conteúdo e usuários é a falta de recursos de monetização do aplicativo, faturamento que os influenciadores recebem com publicações nos stories e feed.

A baixa visualização que o IGTV alcança é um dos obstáculos contra a monetização. Ao contrário do YouTube, o Instagram não tem um serviço de anúncios que pague os criadores. Por sua vez, as marcas não viram a plataforma como lucrativa e, por isso, ainda não pagam os criadores para criar conteúdo próprio para o canal.

No final, usuários veem o aplicativo como um trabalho extra, já que, até então, exigia que os vídeos fossem gravados na vertical, o que impossibilitava que criadores do YouTube transmitissem o mesmo conteúdo na plataforma, para pouco retorno financeiro.

Com o suporte ao formato de paisagem, o Instagram espera que o IGTV obtenha mais visualizações e conteúdo diversificado, o que pode aumentar o interesse financeiro de marcas e criadores. Também como uma tentativa de ampliar o alcance do aplicativo, a empresa passou a permitir, há alguns meses, que os usuários compartilhem prévias dos vídeos do IGTV no feed, medida que teve resultado positivo.

 

Fonte: Olhar Digital

COMENTÁRIOS